Numa entrevista de emprego, como me comportar?

Chegou a tão temida entrevista de emprego! E agora? Calma, afinal a primeira coisa a fazer é estar relaxado, porque controlar a ansiedade é um ponto positivo e favorece o seu bom desempenho. As demais dicas, passadas pelo Departamento de Recursos Humanos da Unoeste, você lê agora.

Chegou a tão temida entrevista de emprego! E agora? Calma, afinal a primeira coisa a fazer é estar relaxado, porque controlar a ansiedade é um ponto positivo e favorece o seu bom desempenho. As demais dicas, passadas pelo Departamento de Recursos Humanos da Unoeste, você lê agora.

Por in Dicas, Futuro, Profissão
0 0 0 Sem comentários

Chegou a tão temida entrevista de emprego! E agora? Calma, afinal a primeira coisa a fazer é estar relaxado, porque controlar a ansiedade é um ponto positivo e favorece o seu bom desempenho. As demais dicas, passadas pelo Departamento de Recursos Humanos da Unoeste, você lê agora. Mas, antes, anote aí: Semana que vem a gente traz informações sobre o LinkedIn, ferramenta fundamental na busca de emprego.

• Não exagere no traje e no visual. Cabelos bem penteados e roupas passadas e comportadas são fundamentais. As mulheres podem ir maquiadas, mas sempre optando pela discrição. Perfumes também podem ser usados, mas com moderação, ok?

• Chegue 15 minutos antes do horário marcado. Estar no local mais cedo do que isso demonstra muita ansiedade e chegar exatamente no horário pode ser entendido como desdém. Atraso, então, sem chance!

• Esteja com documentos pessoais, CPF e RG, e caneta esferográfica (tinta azul ou preta). Se a empresa tiver solicitado algo mais, não se esqueça de levar!

Numa entrevista de emprego, como me comportar?

• Ao responder, siga no foco das perguntas do entrevistador. Não fale muito nem pouco, nem fuja do tema. E, claro, fale apenas a verdade e não omita nada.

• Lembre-se de que o entrevistador é um avaliador, não é seu amigo, tampouco um torturador. Portanto, fale com ele de maneira formal e não fique com medo.

• Se precisar apontar um defeito seu, admita algum. Todos têm defeito, é mais do que normal! O importante é, para cada defeito, sempre apresentar uma solução para esse aspecto negativo. Ou seja, pergunte-se sempre: o que faço para mudar para melhor?

• Jamais fale mal do emprego anterior ou de um ex-colega de trabalho. Se não consegue manter ética com o passado, o contratante entende que você também será antiético na sua rotina no novo emprego.

• Perigo da internet – As empresas têm analisado os perfis dos candidatos nas redes sociais. Mesmo sendo um ambiente descontraído, a ferramenta será negativa caso o pretendente ao cargo tenha atitudes consideradas inadequadas, como postar frequentemente em horário de trabalho ou publicar textos preconceituosos e fotos impróprias.

Comments

comments