Sistemas de Informação: eles estão de olho em tudo!

Por
0 0 0 Sem comentários

Já aconteceu com a maioria das pessoas que de alguma maneira utiliza a internet em seu cotidiano: por exemplo, você decidiu que vai começar um estilo de vida mais saudável, traça metas de exercícios, procura matérias e artigos de alimentação e até pesquisa quais os tênis adequados para uma corrida, preço, qualidade, enfim… Você está focado mesmo! Em questão de segundos, todas as suas redes sociais, seu e-mail e até páginas da internet que não têm nada a ver com o assunto, começam a te mostrar uma infinidade de produtos ligados à vida saudável. Desde o tênis de corrida que você precisa, até suplementos alimentares, aplicativos de celulares, parece que aquela maquininha à sua frente te conhece tão bem que sabe exatamente do que você precisa! Que loucura, não?! Isso está relacionado a um termo chamado Business Intelligence e um dos profissionais responsável por este tipo de “mágica” é o analista de sistemas ou bacharel em sistemas de informação.

Este é apenas um braço da profissão, que tem um enorme campo de atuação. Mas esse levantamento de perfil do consumidor, a partir de informações obtidas via internet, é uma área extremamente aquecida e há chances em empresas de qualquer segmento, de estilo de vida saudável, como citado no exemplo acima, até telefonia, cosméticos, aplicativos para celulares, inclusive aqueles de paquera, viu? É possível até mesmo traçar um perfil de “par ideal” para você com base nas informações que compartilha em rede.


O profissional de sistemas de informação – que é muito confundido com o de ciência da computação –, teve que estudar e se dedicar muito mais sobre administração e gestão do que qualquer outro profissional da área de informática. Mais do que entender sobre desenvolvimento de sistemas computacionais, ele precisa entender de marketing e mercado consumidor.

Além disso, o bacharelado em Sistemas de Informação, que na maioria das instituições de ensino superior tem duração de oito semestres, vai estimular nos estudantes os conhecimentos necessários com os algoritmos. Algumas disciplinas da graduação: Linguagens de Programação, Engenharia de Software, Gestão da Informação, Logística, Sistemas Operacionais, Banco de Dados, Redes de Computadores, Segurança e Auditoria de Sistemas.

Área de Atuação

O profissional de sistemas de informação pode trabalhar em empresas públicas e/ou privadas e em consultorias tecnológicas. O campo de atuação é bem amplo e a demanda por analistas está em alta!

Projetar e desenvolver softwares, trabalhar na funcionalidade de sites, agilizar o processo de comunicação de uma empresa instalando e adaptando programas, além de fazer a manutenção de banco de dados e redes de computadores, são apenas algumas das atividades do analista de sistemas no mercado de trabalho.

Além disso, por ser um curso que engloba administração e gestão, ele também pode abrir seu próprio negócio oferecendo serviços de suporte técnico ou de desenvolvimento de softwares para outras empresas.


Agora que você já entendeu o tanto de coisa que um analista de sistemas faz, as áreas que ele pode atuar e a importância que tem em empresas e organizações, já pode intensificar os estudos na matemática e pesquisar sobre algoritmos se tiver interesse na área! Aproveite e assista ao vídeo abaixo para descobrir um pouquinho mais:

Comments

comments