Engenharia da Complexidade tem boas oportunidades no mercado

Tempo de leitura: 2 minutos

Engenharia da complexidade com mulher em frente ao computador

O mundo está cheio de conexões. Com isso, surgem também novas necessidades de formação profissional. Muitas carreiras são amplamente conhecidas, mas outras nem tanto. Inclusive, existem aquelas que só agora estão ganhando destaque entre as áreas mais promissoras em um futuro próximo. Exemplo dessa realidade é a engenharia da complexidade.

Aliás, você sabe o que faz esse profissional? O que é preciso estudar para se tornar esse engenheiro? Afinal, o que quer dizer complexidade em uma formação superior? Não se assuste com esta palavra! Mais abaixo você irá perceber que essa complexidade não é bem a que você conhece…

O engenheiro da complexidade tem a função de entender, verificar e propor soluções para o ambiente em que está inserido. Portanto, esse profissional é capaz de solucionar problemas complexos para enfrentar os desafios da engenharia. Ele faz o uso dos conhecimentos técnicos, humanos, sociais, ambientais e econômicos.

Quer saber mais?

A engenharia da complexidade faz o uso de conhecimentos de outras áreas da engenharia. Dessa maneira, ela utiliza aspectos das engenharias civil, mecânica, ambiental, elétrica, entre outras. Todos esses conhecimentos associados com a ciência.

Alguns estudiosos dizem que complexidade não está ligada a algo difícil, mas que este termo se aplica à expressão “está tecido junto”, ou seja, que tem vínculo com algo. Desse modo, o termo complexidade se refere às ligações do mundo e da sociedade.

Ao propósito, segue abaixo um exemplo simples da função do engenheiro da complexidade:

Na construção de uma via que ligará uma cidade de pequeno porte a outra de grande porte. O engenheiro da complexidade deverá fazer uma avaliação de todos os impactos que essa obra poderá causar no local. E assim, apresentar soluções para minimizar as ações. Não apenas no local da construção, mas também no que a obra alterará a sua volta. Como afetará a economia, a rotina das pessoas, entre outros pontos.

O curso

Se você gosta da área de engenharias e inovações, essa pode ser a sua carreira. Trata-se de uma recente proposta no processo de mudanças para a formação dos profissionais que irão transformar o mundo. O curso oferece aos alunos um estudo de forma integrada, além de fortalecer a aplicação da teoria à prática.

Com o intuito de suprir as novas demandas do mercado de trabalho, a matriz curricular é bem ampla e diversificada, vinculando todas as áreas das engenharias. Se você ficou interessado em conhecer mais sobre a faculdade de Engenharia da Complexidade, então clique neste link.

Mas atenção, é preciso estar atento na hora de escolher onde estudar. Faça a opção por uma universidade que já tenha tradição em ensino na área de engenharia e uma estrutura moderna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *