Faculdade de Odontologia tem tradição e inovação

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Quem é que nunca ouviu aquele ditado “Sorrir é o melhor remédio”? Pois bem, existem, sim, comprovações científicas de que o sorriso diminui o estresse e melhora o nosso estado de espírito. As pessoas sabem da importância dessa expressão e, por isso, cuidam dos dentes para manter um sorriso saudável e brilhante.

Para se ter uma ideia, uma pesquisa do Conselho Federal de Odontologia (CFO) revela que 9 em cada 10 brasileiros, consideram importante a ida ao dentista com regularidade. A entidade divulga ainda, que o setor faturou mais de R$ 38 bilhões nos últimos anos.

Fato é que o dentista se tornou sinônimo de sucesso, já que o profissional tem um potencial mercado pela frente. É claro, que uma formação completa faz a diferença e, por isso, a Faculdade de Odontologia da Unoeste possui status como uma das particulares mais antigas e tradicionais do país.

Conceito MEC

A Unoeste possui conceito 4, em escala que vai de 1 a 5, conforme o último Índice Geral de Cursos (IGC) divulgado pelo Ministério da Educação (MEC). É a 3ª melhor universidade particular do estado de São Paulo e a 12ª do Brasil.

O curso de Odontologia também possui status elevado pelo órgão máximo da educação, com Conceito Preliminar de Curso (CPC) 4. Considerado excelente, está entre os 10 melhores particulares do estado de São Paulo e é a melhor da região oeste paulista.

O CPC considera quatro dimensões: desempenho dos estudantes no Enade; valor agregado pelo curso ao desenvolvimento dos estudantes concluintes (IDD); perfil do corpo docente; e a percepção do aluno sobre as Condições do Processo Formativo, obtida através do questionário do estudante no Enade. Saiba mais sobre esses e outros indicadores neste post do blog.

A Faculdade de Odontologia também se destaca perante outras avaliações externas: no ranqueamento realizado pelo Quero Bolsa está entre as melhores do país, e na última edição do Guia da Faculdade Estadão possui 4 estrelas e é a melhor da região.

Metodologia de Ensino

A tecnologia é muito valorizada pela Faculdade de Odontologia que utiliza recursos como a Plataforma Moodle e o desenvolvimento de aplicativos focados no ensino odontológico. As metodologias ativas agregam conhecimento ao longo da graduação, permitindo a formação de dentistas com senso crítico apurado que conseguem resolver e analisar situações distintas.

Para uma formação diferenciada, as disciplinas não consistem apenas nos conteúdos, pois promovem o desenvolvimento de habilidades e competências relevantes para a futura atuação.

Outro aliado na construção do conhecimento dos futuros dentistas é o Exame Clínico Objetivo Estruturado (Osce). Essa atividade é mais do que uma avaliação básica, pois o acadêmico treina habilidades clínicas e relembra o que já aprendeu. O Osce é uma prática comum em outros países, sendo que no Brasil, a Faculdade de Odontologia da Unoeste foi a terceira instituição a adotar a iniciativa em sua graduação.

Saber empreender também é importante no mercado e, por isso, no último ano do curso o acadêmico tem a disciplina de Empreendedorismo. A inserção precoce do aluno na futura profissão se dá a partir do estágio de práticas preventivas, onde ele inicia o atendimento à comunidade com atividades de complexidade crescente em educação em saúde, prevenção e reabilitação.

Uma metodologia tão dinâmica também conta com diversos cenários de aprendizagem que ultrapassam os limites da universidade. O acadêmico da Faculdade de Odontologia tem a chance de aprender inserido na comunidade, seja em unidades de saúde, creches, escolas, hospitais ou outras entidades. A saúde pública também tem relevância na formação odontológica por meio de conteúdos que permitem uma ampla vivência dos alunos com a realidade local.

A pesquisa vem recebendo atenção e estímulos necessários para o envolvimento cada vez maior da comunidade acadêmica, resultando em trabalhos premiados, artigos publicados, participação em jornadas acadêmicas e apresentações em congressos. Os diversos grupos de pesquisas também agregam valores científicos na vivência do curso.

Hoje, a educação continuada na Faculdade de Odontologia também é uma realidade por meio das várias especializações e do mestrado em Odontologia.

O que vou estudar?

Os conteúdos fundamentais para a formação dos futuros dentistas devem estar relacionados a todo o processo saúde-doença do cidadão, da família e da comunidade, integrado à realidade epidemiológica e profissional.

A maior parte dos conteúdos propostos pela Faculdade de Odontologia da Unoeste está relacionada à área das Ciências Odontológicas com 70%, seguido pelas das Ciências Biológicas e da Saúde (24%) e das Ciências Humanas e Sociais (6%).

Se você está curioso para saber o que de fato irá estudar, esse post também te dá uma ajudinha. As disciplinas inseridas nas Biológicas e da Saúde estão ligadas à base moleculares e celulares dos processos normais e alterados, da estrutura e função dos tecidos, dos órgãos, dos sistemas e aparelhos. Tudo isso está aplicado às situações decorrentes do processo saúde-doença no desenvolvimento da prática assistencial da odontologia.

Já as abordagens dentro das Ciências Humanas e Sociais envolvem os conteúdos referentes às diversas dimensões da relação do indivíduo e sociedade, contribuindo com a compreensão dos determinantes sociais, culturais, comportamentais, psicológicos, ecológicos, éticos e legais.  

E quando se fala em conhecimento técnico, as Ciências Odontológicas estão estruturadas por temas relacionados à propedêutica clínica, onde serão ministrados conhecimentos de patologia bucal, semiologia e radiologia; clínica odontológica e odontologia pediátrica.

Tecnologia que Ensina

A competitividade e as inúmeras exigências do mercado de trabalho requerem profissionais com perfil diferenciado. Por meio de uma estrutura de excelência, a Faculdade de Odontologia da Unoeste oferece plenas condições de aprendizado prático com experiências, observações e atividades, que, sob a orientação de um corpo docente titulado, representa um modelo realístico do exercício profissional.

Para uma formação completa, os estudantes utilizam espaços para as ciências básicas como os laboratórios de Biologia Geral, Citologia e Biologia Celular, Embriologia, Fisiologia, Parasitologia, Patologia, Anatomia Patológica e Citopatologia, Bioquímica, Farmacologia, Microbiologia, Imunologia, Anatomia Humana e Histologia.

A Faculdade de Odontologia também possui ambientes específicos amparados por uma tecnologia de ponta, onde os universitários têm a oportunidade de assimilar todos os conhecimentos apresentados em sala de aula.

Laboratórios de Habilidades Odontológicas

Antes de atenderem efetivamente os pacientes nas Clínicas de Odontologia, os acadêmicos são preparados em todas as frentes do conhecimento técnico. Essas vivências ocorrem nas três unidades dos Laboratórios de Habilidades Odontológicas e trazem aos alunos segurança e responsabilidade para esses futuros atendimentos.  Nesses ambientes, o conhecimento teórico e a prática clínica são aplicados em manequins que reproduzem as condições da cavidade oral.

Clínica de Odontologia

Construída em 1976, a Clínica de Odontologia foi desenvolvida para atender às necessidades práticas da graduação. Utilizado a partir da primeira turma do curso, o ambiente recebe pessoas de todas as faixas etárias provenientes de Presidente Prudente e de cidades da região. Mais de 120 mil pacientes já passaram por esse local, que com instalações modernas se tornou referência em atendimentos odontológicos.

Atualmente, a Clínica de Odontologia possui um complexo formado por cinco unidades possibilitando aos alunos vivências que fazem a diferença e preparam os futuros dentistas para a atuação profissional. Sob a supervisão docente, eles têm contato com diversos públicos e áreas de atuação, o que propicia o pleno desenvolvimento e aprimoramento das habilidades profissionais de maneira humanizada.

Estruturados com o que há de mais moderno, esses locais possuem 97 conjuntos odontológicos com suporte de apoio para atendimento aos pacientes. Cumprindo sua função social e contemplando a tríade Ensino, Pesquisa e Extensão, a Clínica de Odontologia utiliza a tecnologia como ferramenta de educação superior.

Compromissada em oferecer uma formação de excelência aos seus acadêmicos, a graduação tem a clínica como um local que forma muito mais do que dentistas, pois transforma os seus alunos em pessoas qualificadas, que sabem tratar de maneira humana e ética todos os públicos, independentemente de idade, classe social, raça ou cor.

Clínica de Radiologia

A Faculdade de Odontologia também disponibiliza para os estudantes, atividades práticas na Clínica de Radiologia que está equipada com o que há de melhor no setor. Ela possui aparelhos de raio-x panorâmico e periapical digital, além de sala de diagnóstico.

Laboratório de Prótese Clínica

São duas unidades com ambiente planejado e com tecnologias adequadas que propiciam uma completa formação acadêmica na área clínica de reabilitação oral.

Laboratório de Pesquisas Odontológicas

Exclusivo da Faculdade de Odontologia, esse ambiente possibilita a realização de estudos ligados às propriedades dos biomateriais odontológicos. Com excelente infraestrutura é nesse espaço que as investigações científicas da área acontecem.

Banco de Dentes Humanos

A Faculdade de Odontologia possui vínculo com o Banco de Dentes Humanos (BDH). Essa instituição sem fins lucrativos registrada no Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) tem por objetivo suprir as necessidades acadêmicas, fornecendo dentes humanos para pesquisa ou atividades didáticas.

Existente desde 2007, o BDH da universidade tem importante função ética, eliminando o comércio ilegal de dentes que ainda existe nas faculdades de Odontologia do país.

Sala Betha

A Sala Betha está localizada no campus 1 e é o espaço que reúne tecnologias de ponta, como: mesas interativas, realidade aumentada, holografia, peças impressas em 3D, celulares, tabletes e projetores de alta definição. Recursos que possibilitam, por exemplo, acompanhar uma cirurgia em tempo real em diferentes perspectivas.

Os cenários, dentro da metodologia proposta, começam com realidade aumentada, e sempre na mesa tem um celular, uma carta e uma peça impressa em 3D. Com o celular, o aluno vê o que tem na carta; com a realidade aumentada começa a comparar com aquilo que está vendo na mesa e com a peça impressa, assim, em 10 minutos ele já tem toda uma perspectiva em vários ângulos. A Sala Betha permite inúmeras possibilidades, integrando sempre a tecnologia e a educação.

Prática que aprimora

Desde o início da graduação, a Faculdade de Odontologia oferece atividades que possibilitam o aprendizado prático e o contato com a comunidade. Essas vivências acontecem por meio dos estágios curriculares supervisionados que inserem os estudantes em programas de extensão ligados à prática odontológica.

Atualmente, existe um convênio institucional firmado da universidade com a Prefeitura de Presidente Prudente para a realização dessas ações extramuros que também estão ligadas ao núcleo de saúde coletiva.  

Há também uma relação estreita também com a Fundação Mirim, onde acontece o estágio em Odontohebiatria e com o Hospital Regional (HR) de Presidente Prudente, por meio do estágio em Odontologia Hospitalar.

Qual o diferencial da Faculdade de Odontologia da Unoeste?

A Faculdade de Odontologia da Unoeste é uma das faculdades particulares mais tradicionais e antigas do país. Nesses 46 anos de fundação, o curso também se renovou. São dezenas de professores novos e veteranos, que por meio de um projeto pedagógico inovador traz aos alunos os mais ricos e atuais conhecimentos.

Toda essa evolução pela qual a graduação passou, permite o oferecimento de uma odontologia com uma infraestrutura fantástica, corpo docente titulado e experiente, além de um ensino didático e dinâmico.

Mercado de trabalho para o dentista

São várias as oportunidades para o recém-formado em odontologia, pois além do crescimento da população é cada vez maior a preocupação com a saúde bucal. Enquanto uns prezam pelo bem-estar da boca, outros buscam pelos procedimentos estéticos que também estão em alta.

De acordo com a Sociedade de Odontologia Estética (SOE), houve um aumento de 300% pela procura de procedimentos no último ano. Existem outros dados que aquecem a área. Conforme a Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos e Odontológicos (Abimo), mais de 2 milhões de próteses e 800 mil implantes são feitos em todo o Brasil e cerca de 12 milhões de pessoas visitam dentista para resolver problemas ortodônticos.

Para quem se identifica com a profissão, as informações continuam positivas. Em publicação do site Guia da Carreira, a odontologia é a segunda carreira mais rentável do país, logo atrás de medicina. É importante levar em conta, que a odontologia moderna é muito mais do que o tratamento dos dentes. A expansão da profissão leva a atuação com os distúrbios relacionados às estruturas de toda a face, boca e pescoço.

Assim que termina a faculdade, o acadêmico é considerado cirurgião-dentista e, depois de se registrar no Conselho Regional de Odontologia (CRO), está apto para atuar no cuidado e na promoção da saúde e da estética bucal.

Além disso, o cirurgião-dentista pode trabalhar na restauração, extração e limpeza dos dentes, no planejamento e instalação de próteses, na realização de cirurgias e no tratamento de doenças da gengiva, bochecha e língua. Pode também, prescrever medicamentos e solicitar exames clínicos.

Caso queira se especializar, o cirurgião-dentista pode escolher entre as 23 áreas regulamentadas pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO). O site Quero Bolsa, preparou um compilado sobre cada uma delas. São elas:

Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial;

Endodontia;

Odontologia Legal;

Odontopediatria;

Patologia Oral e Maxilo-Facial;

Periodontia;

Prótese Bucomaxilofacial;

Prótese Dentária;

Implantodontia;

Estomatologia;

Dentística;

Odontologia em Saúde Coletiva;

Ortodontia;

Radiologia Odontológica e Imagionologia;

Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial;

Odontologia do Trabalho;

Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais;

Odontogeriatria;

Ortopedia Funcional dos Maxilares;

Acupuntura;

Homeopatia;

Odontologia do Esporte;

Harmonização Orofacial.

Rede de Bibliotecas

 

A Rede de Bibliotecas da Unoeste conta com mais de 255 mil exemplares, além de bibliotecas virtuais com quase 18 mil títulos. Para os pesquisadores, a universidade também oferece o Portal de Periódicos da Capes, que é uma base mundialmente conhecida, com periódicos relevantes em todas as áreas do conhecimento. São 136 bases disponíveis com artigos na íntegra. Os alunos de Odontologia têm fácil acesso a unidade de informação do campus 2 que possui acervo aberto, ou seja, o próprio acadêmico tem acesso às obras, sala de multimídia e de estudos.

Entretenimento na universidade

A Unoeste possui uma preocupação com a formação do acadêmico que vai além da sala de aula, incentivando em suas dependências a prática da atividade física. No campus 1, o Palácio de Esportes é destaque pela sua estrutura e diversidade de atividades: abriga quadra poliesportiva, salas para aulas aeróbicas, piscina semiolímpica, além Academia Unoeste.

Na universidade, o estudante é incentivado a momentos de lazer com os eventos culturais e jogos universitários. O curso de Odontologia conta com a atlética da graduação que promove treinos em várias modalidades esportivas, além de competições internas.

Suporte universitário

Olhar o aluno como um todo, em todas as suas especificidades, também é papel da universidade. É fato que existem vários fatores externos que podem interferir no aprendizado, por isso os acadêmicos da Unoeste têm outros suportes como o Núcleo de Apoio ao Estudante (NAE) e o Serviço Universitário de Apoio Psicopedagógico (SUAPp).

O NAE promove o acolhimento do estudante de forma integral em conjunto com as coordenações e os professores, fornecendo inclusive informações gerais aos pais ou responsáveis. Está presente durante todo o curso, ajudando os acadêmicos na construção de carreiras através da Central de Estágios, que tem o objetivo do ingresso deste aluno no mercado de trabalho através da divulgação de vagas para estágios e efetivas, auxiliando-os também na elaboração de currículos e dicas para entrevistas de emprego. Saiba mais no site.

Já o Serviço Universitário de Apoio Psicopedagógico visa acolher, orientar e aconselhar o acadêmico sobre as possíveis dificuldades no processo de aprendizagem. A universidade conta com psicólogas em todos os campi e o agendamento pode ser feito no site da Unoeste, Área do Aluno, na aba “Serviços”, no ícone SUAPp.



Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.