Onde estudar: no interior ou no litoral?

Tempo de leitura: 5 minutos

Onde estudar: pés de tênis verde com três opções de caminho

Tem vontade de estudar na calmaria de uma cidade pequena ou gosta mais de terminar a prova e pegar aquela praia? Conheça um pouco das características de cada lugar e veja o que tem mais a ver com o seu estilo e jeito de viver. Afinal, saber onde estudar é uma das etapas para se fazer uma faculdade de sucesso!

Aconchego do interior

Se você joga conversa fora no portão com o vizinho ou cruza pelos amigos da escola na cidade, existe a chance de viver em uma cidade pequena. Aliás, morar no interior é mais aconchegante, até parece que você é abraçado pela sua terra natal. Ao propósito, esse clima de proximidade é uma das características de se estudar no interior. A faculdade se transforma na sua segunda casa!

Mas se você vive na agitação das grandes cidades e busca um lugar tranquilo para estudar, o interior é uma ótima opção! Sossego não vai faltar para você se concentrar na semana de provas ou nos estágios que podem ser feitos ali mesmo. Confira outros benefícios de estudar em uma cidade do interior!

Trânsito mais tranquilo

Certamente, se você já enfrentou um congestionamento sabe que não é nada legal. Afinal, quem gosta de ficar por horas esperando aquela fila imensa de carros andar? Com toda a certeza, o fluxo de veículos é bem mais tranquilo em uma cidade do interior. Em outras palavras, a mobilidade é bem mais flexível o que possibilita ir para a faculdade a pé ou até mesmo de bicicleta. Inclusive, já é uma ótima chance de unir os estudos à uma atividade física!

Menor custo de vida e contato com a natureza

Uma vez que tudo tem o seu valor, para viver não seria diferente. De fato, os grandes centros têm uma infinidade de opções de alimentação, lazer ou serviços. Por outro lado, os custos são diferentes se comparados ao do interior. E não é só isso! É provável que as cidades universitárias menores têm uma oferta de imóveis maior, o que diminui os custos para morar. Ao passo que você também precisa ir até a faculdade. Sendo assim, as distâncias são menores e, consequentemente, os gastos também.

Ao mesmo tempo que você escolhe o interior como o lugar para fazer faculdade, também ganha opções diferentes para se divertir. Sem dúvida, contemplar o pôr do sol ou fazer aquela trilha até uma cachoeira são experiências incríveis. Por certo, os lugares menores têm mais verde e natureza para poder apreciar.

Em resumo, se já decidiu fazer faculdade em uma cidade do interior, saiba que existem excelentes instituições de ensino com qualidade reconhecida pelo MEC. Só para você ter uma ideia, dá para estudar em Presidente Prudente quase na divisa com os estados do Paraná e do Mato Grosso do Sul. Outra opção é fazer faculdade em Jaú, bem no centro do estado de São Paulo.

No balanço do mar

Você sabia que um estudo da Universidade de Exeter, no Reino Unido, destaca que viver perto do mar pode melhorar a saúde mental? Agora imagine ter a chance de curtir uma praia e ainda fazer uma faculdade na área que gosta? Acho que daria um match perfeito! No momento em que você escolhe o litoral, pode contar desde lugares calmos até uma vida de agitação e aventura. Confira!

Maresia que faz bem!

Uma vez que essa pesquisa inglesa fala sobre como é bom morar perto do mar, ela também traz outras informações interessantes. Sabe aquela praia toda linda, cheia de ondas com uma areia imensa? Então, esse ambiente diminui o estresse. Já pensou sair daquela prova tensa e passar por lá para dar aquela relaxada? Viu, como é bom estudar no litoral!

Sem dúvida, toda a maresia estimula a atividade física que é uma ótima aliada da saúde. Quer saber outro fato legal do estudo? Quem mora no litoral tem mais saúde e longevidade. É bem tentador, unir o útil ao agradável, ou seja, estudar e viver no litoral.

O que o mar e o sol têm de bom para você!

Com toda a certeza você já percebeu que morar no litoral é sinônimo de uma pele mais dourada. Digamos que dá a cor do verão, né! Aliás, não se esqueça de sempre usar protetor solar e ter outros cuidados com a exposição ao sol. Lembre-se daquele ditado: “todo excesso faz mal”.

Em primeiro lugar, saiba que a água do mar é um esfoliante natural para a pele. Isso significa uma renovação celular superficial que também ajuda nos cuidados com a caspa, dermatites ou até psoríase. E tem mais! Como ela é salgada, é rica em sais minerais como sódio e iodo, torna-se um ótimo antisséptico. Então já sabe né? Se machucou na faculdade, corre para o mar… pois a água acelera a cicatrização de feridas. Só não posso te prometer que não vá arder um pouquinho, hein.

Novas amizades e diversão de sobra

Ao propósito, se é fim de semana prolongado ou férias, logo os turistas começam a aparecer. É provável que uma cidade litorânea te traga mais do que um mar lindo para apreciar, como também agitação e muito lazer. Sem falar que você pode aproveitar para fazer novas amizades. Ao mesmo tempo, as opções de serviços podem ser maiores para suprir a demanda e você já aproveita! Por outro lado, se você escolheu o litoral só para estudar, pode chamar toda a família para conhecer onde estuda e passar uma temporada na praia. É uma ótima chance para matar a saudade e se divertir.

Em resumo, estudar no litoral pode ser uma boa ideia para quem gosta de estar perto do mar e, ao mesmo tempo, quer uma formação top. Aliás, sabia que tem faculdade que dá para ir a pé para a praia. Já pensou, sair da aula, tomar aquele solzinho e dar um mergulho no mar? Maravilhoso, né! E tem mais…. Além de ser pertinho do mar, tem faculdade que pode ser uma das melhores do Brasil. Quer tudo isso para você? Clique aqui e conheça uma faculdade top lá de Guarujá!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *